Busca

NERD APRENDIZ


Jim Grant, escritor inglês criador do Jack Reacher



Lee Child é o nome artístico de Jim Grant, escritor nascido na Inglaterra, em 1954. Atualmente, ele vive em Nova Iorque. Seu primeiro livro, Dinheiro sujo (no original Killing floor), ganhou o prêmio Anthony Award por melhor romance de estreia. As obras de Lee Child contam as aventuras de Jack Reacher, um ex-policial do exército americano que vaga pelos Estados Unidos envolvido em situações de risco.

Lee Child nasceu em Coventry, na Inglaterra, mas seus pais mudaram-se com ele e seus três irmãos para Handsworth Wood, em Birmingham, quando ele tinha quatro anos, em busca de melhores condições de vida.

Ele frequentou a escola King Edward’s, em Birmingham – frequentada também por J.R.R. Tolkien e Enoch Powell. Seu pai era funcionário público e seu irmão mais novo, Andrew Grant, também é escritor.

Em 1974, aos 20 anos, Grant cursou a Universidade de Direito de Sheffield, em Sheffield, embora não tivesse intenção de se tornaradvogado. No período da faculdade, trabalhou nos bastidores de um teatro. Quando se formou, ao invés de seguir o Direito, conseguiu um emprego na área comercial de um canal de TV.

Grant entrou na Granada Television, que faz parte da ITV do Reino Unido Network, em Manchester, como diretor de apresentação. Lá, ele estava envolvido com diversos programas, incluindo Brideshead Revisited, “A Joia da Coroa”, Prime Suspect, e Cracker. Ficou envolvido na transmissão de mais de 40 mil horas de programação para a Granada, escreveu milhares de anúncios publicitários, notícias e trailers. Permaneceu na emissora de 1977 a 1995.

Depois de ser despedido por causa de uma reestruturação na empresa, aos 40 anos de idade, ele decidiu que queria começar a escrever romances, afirmando que são “a mais pura forma de entretenimento”. Em 1997, seu primeiro livro foi publicado e em 1998 mudou-se para os EUA.

Algumas de suas obras

Killing Floor (Dinheiro sujo) – 1997 – Vencedor do Anthony Award Vencedor do Barry Award Indicado ao Dilys Award Indicado ao Macavity

Die Trying (Destino: Inferno) – 1998 – Vencedor do WH Smith Thumping Good Read Award

Tripwire (Alerta Final) – 1999

Running Blind (Caçada às Cegas) – 2000

Echo Burning (Não lançado no Brasil) – 2001

Without Fail (Não lançado no Brasil) – 2002 – Indicado ao Dilys Award Indicado ao Ian Fleming Steel Dagger Award

Persuader (Não lançado no Brasil) – 2003 – Indicado ao Ian Fleming Steel Dagger Award

The Enemy (Não lançado no Brasil) – 2004 – Indicado ao Dilys Award

One Shot (Um Tiro) – 2005 – Indicado ao Macavity Award

The Hard Way (A forma mais dura em Portugal; O Caminho Mais Difícil) – 2006

Bad Luck and Trouble (Má sorte e complicações em Portugal; Não lançado no Brasil) – 2007 – Lista Oficial do Theakston’s Old Peculier Crime Novel of the Year Award 2009

Nothing To Lose (Nada a perder em Portugal e no Brasil traduzido por Márcio El-Jaick) – 2008

Gone Tomorrow (Amanhã será outro dia em Portugal; Não lançado no Brasil) – 2009

61 Hours (61 horas em Portugal) – 2010

Worth Dying For – 2010 – Theakston’s Old Peculier Crime Novel of the Year Award, 2011

The Affair – 2011

A Wanted Man – 2012 – Specsavers’ National Book Award, Thriller & Crime Novel of the Year

Never Go Back – 2013 (Nunca voltes atrás em Portugal)

Personal – 2014 – RBA International Prize for Crime Writing, com o valor de 125,000€

Make Me – 2015

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Lee_Child


17 de julho de 2016, por Chewbaca Jones

Loja
Apareceu na mídia

© 2014-2015 Design Brazuca Comunicação Integrada

Todos os Direitos Reservados | As Marcas apresentadas nesse site e no canal são de propriedade dos seus respectivos idealizadores.